O Que Fazemos

Lar dos Idosos

Conta com uma estrutura de hospedagem, alimentação, saúde, cultura e lazer. São 59 idosos residentes, vindos de famílias carentes (57%), por causa de conflitos (8%), abandono (5%), sem família (21%) ou por conta própria (10%). Cerca de 80% recebem visitas regulares dos familiares. Na maior parte dos casos são encaminhados pelas famílias (68%) ou pela rede de apoio (Ministério Público, Gerência de Alta Complexidade etc.) Os homens (56%) são a maioria dos abrigados. Do total, 63% são alfabetizados. Cerca de 80% recebem até um salário-mínimo e o restante entre um e dois salários, referentes a aposentadoria (55%), pensão (9%) e outros benefícios (35%). Os internos contam com um conjunto de atendimentos de saúde: médico, fisioterapêuticos, psicológicos, odontológicos e de enfermagem. O serviço de enfermaria inclui uma ala com equipamentos hospitalares e serviço de ambulância 24 horas. A instituição oferece uma série de terapias complementares como acupuntura, reiki, aromoterapia, fitoterapia, hidroterapia, massagens, além de ginástica, caminhada, alongamento etc. Os idosos também são envolvidos em várias atividades culturais, de lazer e socialização.
leia mais...

Centros Espíritas

A SERTE é uma instituição espírita de assistência social e educação com sede em Florianópolis, fundamentada nos principios basilares da doutrina espírita, filiada à federação espírita catarinense.
leia mais...

Educandário

Atende, em tempo integral, a 170 crianças da comunidade da Cachoeira do Bom Jesus e adjacências. São crianças de quatro meses a seis anos de idade na educação infantil pré-escolar do educandário, onde, além dos serviços educacionais e lazer, recebem todas as refeições de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h30. Na educação infantil, adota-se uma metodologia inovadora desenvolvida pela médica italiana Maria Montessori. O Educandário Lar de Jesus recebe parte dos recursos da Secretaria Municipal de Educação da Prefeitura de Florianópolis.
leia mais...

Lar das Crianças

Tem capacidade para abrigar, simultaneamente, até 20 crianças em risco social. São crianças encaminhadas pelos conselhos tutelares por motivo de maus-tratos, pais dependentes de drogas, agressividade, abandono, negligência etc. A instituição acolhe e oferece proteção e socialização por meio de serviços de saúde, educação, lazer, convívio familiar e comunitário. A criança somente deixa a instituição por decisão do Juizado da Criança e do Adolescente para adoção, retorno à família ou transferência de abrigos (a partir de 7 anos de idade).
leia mais...

Fotos

17   16 09    IMG_2347IMG_2359IMG_4258IMG_4263IMG_6755DSC07992IMG_2355IMG_2356IMG_2365IMG_4251IMG_4304IMG_9651DSC07992IMG_2365IMG_425112813950_1053558374666815_1520384498396464267_n12806244_1053557948000191_3977868571786695894_n12191711_1053557654666887_6306900041360956287_nIMG_0534IMG_0535IMG_0532IMG_0492IMG_048239181711080401 Jpeg IMG_9695WP_20150717_011WP_20150615_004WP_20150615_002IMG_8944IMG_8915IMG_8913IMG_8881IMG_7142IMG_7072IMG_6284IMG_5161IMG_5084IMG_5063IMG_4925IMG_1831IMG_1824IMG_0982IMG_0979IMG_6733IMG_6700IMG_6698IMG_5768IMG_5735IMG_5726

Últimas Notícias

19 de maio de 2017

AGENDE-SE!

Domingo, dia 21/5, no Parque de Coqueiros, acontece mais um encontro da Campanha de Valorização da Vida.

Participem!

WhatsApp Image 2017-05-19 at 10.28.06

 

E dia 27/5, mais uma oportunidade de ampliarmos nossos estudos sobre as obras básicas, alicerces da nossa Doutrina Espírita.

WhatsApp Image 2017-05-15 at 17.29.49

 

E falando sobre oportunidade de estudos, acompanhe aqui, no nosso site, os cursos que oferecemos à nossa comunidade em nossas duas casas espíritas:

  1. Cursos na Cachoeira do Bom Jesus
  2. Cursos na Agronômica

 

Sejam sempre muito bem-vindos!

 

 

leia mais...

15 de maio de 2017

Perto de Deus – pela passagem do dia das mães

Entre a alma, prestes a reencarnar na Terra, e o Mensageiro Divino, travou-se expressivo diálogo:

– Anjo bom – disse ela -, já fiz numerosas romagens no mundo. Cansei-me de prazeres envenenados e posses inúteis… Se posso pedir algo, desejaria agora colocar-me em serviço, perto de Deus, embora deva achar-me entre os homens…
– Sabes efetivamente a que aspiras? Que responsabilidade procuras? – replicou o interpelado.
– Quando quem serve à vida falha, esta é perturbada nos mais íntimos mecanismos. Por misericórdia, anjo amigo! Dá-me instruções…
– Conseguirás aceitá-las?
– Assim espero, com o amparo do Senhor.
– O Céu, então, te concederá o que solicitas.
– Posso saber sobre o trabalho que me aguarda?
– Como estarás mais perto de Deus, conquanto entre os homens, recolherás destes o tratamento que eles habitualmente dão a Deus…
– Como assim?
– Amarás com todas as fibras de teu espírito, mas ninguém reconhecerá nem te avaliará as reservas de ternura! Viverás abençoando e servindo, qual se carregasses no próprio peito a suprema felicidade e o desespero supremo. Nunca te fartarás de dar e os que te cercarem jamais se fartarão de exigir.
– Que mais?
– Receberás no mundo um nome bendito, como se faz com o Pai Celestial, contudo, qual se faz igualmente até hoje na Terra com o Todo-Misericordioso, precisarão em tudo de ti sem que deem coisa alguma. Embora tenhas o direito de fulgir à luz do primeiro lugar nas assembléias humanas, estarás na sombra do último.
Nutrirás as criaturas queridas com a essência do próprio sangue; no entanto, serás apartada geralmente de todas elas, como se o mundo esmerasse em te apunhalar o coração. Muitas vezes, serás obrigada a sorrir, engolindo as próprias lágrimas, e conhecerás a verdade com a obrigação de respeitar a mentira.
Conquanto venhas a residir no regozijo oculto da vizinhança de Deus, respirarás no fogo invisível do sofrimento!
– Que mais?
– Adorarás as outras criaturas para que brilhem nos salões da beleza ou nos torneios da inteligência; entretanto, raras te guardarão na memória, quando erguidas ao fausto do poder ou ao delírio da fama. Produzirás o encanto da paz; todavia, quando os homens se inclinem à guerra, serás impotente para afastar-lhes o impulso homicida. Por isso mesmo, debalde chorarás quando se decidirem ao extermínio uns dos outros, de vez que te acharás perto do Todo-Sábio e, por enquanto, o Todo-Sábio é o Grande Anônimo, entre os povos da Terra.
– Que mais?
– Todas as profissões no planeta são honorificadas com salários correspondentes às tarefas executadas, mas o teu ofício, porque estejas em mais íntima associação com o Eterno e para que não comprometas a Obra da Divina Providência, não terá compensações amoedadas. Outros seareiros da Vinha terrestre serão beneficiados com a determinação de horários especiais; contudo, já que o Supremo Pai serve dia e noite, não disporás de ocasiões para descanso certo, porquanto o amor te colocará em permanente vigília! Não medirás sacrifícios para auxiliar, com absoluto esquecimento de ti; no entanto, verás teu carinho e abnegação apelidados, quase sempre, por fanatismo e loucura. Zelarás pelos outros, mas os outros muito dificilmente se lembrarão de zelar por ti. Farás o pão dos entes amados. Na maioria das circunstâncias, porém, serás a última pessoa a servir-se dos restos da mesa, e, quando o repouso felicite àqueles que te consumirem as horas, velarás, noite a dentro, sozinha e esquecida, entre a prece de Deus, e, em razão disso, terás por dever agir com o ilimitado amor com que Deus ama.
– Anjo bom – disse a alma em pranto de emoção e esperança -, que missão será essa?
O Emissário Divino endereçou-lhe profundo olhar e respondeu num gesto de bênção:
– SERÁS MÃE!

XAVIER, Fracisco Cândido. Mãe – Antologia Mediúnica. Prefácio. Pelo Espírito Irmão X – Humberto de Campos. Brasília-DF: Editora FEB, 1967.

leia mais...

3 de maio de 2017

PROJETO “AS CORES DA IDADE” TEVE ENCERRAMENTO DIA 1º/5

As cores da idade
*Tânia Porto – abril/2017.

Com o objetivo de levar um pouco de arte aos idosos, há cerca de quase três anos, realizamos aulas de pintura na Serte, em sua seda localizada em Cachoeira do Bom Jesus, Florianópolis/SC, contribuindo para que eles se descontraíssem.

WhatsApp Image 2017-05-01 at 20.41.41

A arte trouxe um pouco mais de alegria no viver, distanciado os problemas existenciais momentaneamente para dar lugar, na vida dos idosos, a momentos lúdicos e agradáveis, compartilhados com o outro no processo individual de pintar.

Nas aulas, nossos aprendizes foram chegando aos poucos, devagarinho, meio indecisos ou mesmo inseguros quanto à proposta oferecida. Alguns ainda se mostraram desconfiados sobre a própria capacidade e sobre o processo como um todo.

WhatsApp Image 2017-05-01 at 20.41.34

À medida que começaram a pintar, brincando, foram experimentando as cores, os pincéis, cartolinas e telas. As barreiras foram, assim, diminuindo, os sorrisos apareceram e mais e mais alunos foram se juntando ao grupo. Muitas vezes, houve dificuldade na condução de uma atividade por conta da demanda tão intensa.

Em alguns meses, percebeu-se que, por trás da pintura, quando muitas vezes diziam não saber o que fazer, estava presente uma grande necessidade de atenção, de ser ouvido, de receber carinho, afeto e, claro, o reconhecimento pela capacidade que ia sendo apresentada.

WhatsApp Image 2017-05-01 at 20.37.52

O sorriso e a estupefação diante dos trabalhos produzidos, lindamente finalizados com molduras e expostos na Serte, foram registros de grande alegria.

Através da Arte, manifestaram-se muitas emoções, evidenciaram-se carências, compartilharam-se alegrias, acalentaram-se tristezas e superaram-se muitas dificuldades.

WhatsApp Image 2017-05-01 at 20.37.51

Em fevereiro de 2016, tivemos uma matéria publicada sobre o projeto através da rede SBT de televisão. O vídeo, que conta mais um pouco dessa linda história de amor, doação, caridade e superação, pode ser visto no link: “Joan Miró e os idosos da SERTE”.

Nossa gratidão a todos os envolvidos e engajados neste lindo projeto, que encerra a sua primeira temporada.

À Professora Tânia Porto, nossa gratidão por tanto amor que nos foi dedicado ao longo desses quase três anos!

O encerramento das atividades estava programado para fevereiro, quando aconteceria uma exposição na Câmara de Vereadores de Florianópolis, mas a data foi cancelada pelo local.

Assim, na segunda-feira, dia 1º/5/2017, no Lar dos Idosos Irmão Erasto , as obras foram expostas para moradores e trabalhadores da Serte.

Hoje, as telas se encontram na sede da Serte, na Cachoeira do Bom Jesus. Quem se interessar em adquirir, deve entrar em contato pelo telefone (48) 3215-0200.

leia mais...

20 de fevereiro de 2017

Conheça a nova diretoria executiva e conselho fiscal da FEC

Aconteceu no dia 18 de fevereiro, sábado, a solenidade de posse da nova diretoria executiva e conselho fiscal da Federação Espírita Catarinense para a gestão 2017/2019.

FEC e sua nova composição para o biênio 2017/2019

FEC e sua nova composição para o biênio 2017/2019

 

O evento ocorreu na sede da FEC (Rua Frei Fabiano de Cristo, 200, Monte Cristo), em Florianópolis e todo o corpo do Conselho Federativo Estadual foi convocado.
Em consonância com a missão da FEC, a Serte deseja que o trabalho, a solidariedade e a tolerância emabalem as ações de todos pela união dos espíritas e a unificação do movimento espírita, a fim de que vivamos a verdadeira fraternidade.

leia mais...

Contato

Contatos

  • Doações - 3215-0225 / 3215-0226 / 0800 48 0060
  • Agronômica - (48) 3228-2285
  • Cachoeira do Bom Jesus - (48) 3215-0200
  • Sede Obras Sociais: Rua Leonel Pereira, 604, Cachoeira do Bom Jesus - CEP: 88.056-300, Florianópolis/SC
  • Sede Agronômica: Rua Allan Kardec, 142, Agronômica - CEP: 88.025-100, Florianópolis/SC
  • https://www.facebook.com/serte.org

Fale Conosco

Localização